animacao

Dia Internacional da Animação

Sabia que… a 28 de outubro se assinala o Dia Internacional da Animação?

Assinala-se a 28 de outubro, o Dia Internacional da Animação. Um dia para celebrar a descoberta, aprendizagem, imaginação e da liberdade.

Foi a 28 de outubro de 1892 que se registou a primeira exibição de imagens animadas do mundo: a exibição do filme Pauvre Pierrot, por Emile Reynaud.

Já o Dia Internacional da Animação foi criado em 2002 pela Association Internationale du Film d’Animation e é celebrado em mais de 40 países, incluindo Portugal, em comemorações que se estendem a várias cidades e dias.

A animação é uma arte que cria a ilusão de movimento através de uma sequência de imagens que exibem uma fase diferente de animação. A animação original era feita à mão mas atualmente a animação é feita principalmente por intermédio do computador, via CGI (Computer-generated imagery – imagens geradas por computador).

Pode celebrar o Dia Internacional da Animação participando numa das suas várias atividades. Também pode mostrar os seus desenhos animados preferidos aos seus filhos (os desenhos mais antigos) ou ver com os amigos e familiares novas animações conceituadas.

Já agora, qual era a sua personagem de animação favorita?

animacao

#multidados mundial #research #since98 #sabiaque #diainternacional #animacao

 

ocupacional

Dia Mundial da Terapia Ocupacional

Sabia que… a 27 de outubro se assinala o Dia Mundial da Terapia Ocupacional?

O Dia Mundial da Terapia Ocupacional (TO) celebra-se no Sábado, a 27 de Outubro.

Este dia celebra-se com o intuito de promover esta profissão e os seus profissionais e permitir informar a população acerca desta área de atuação. O dia foi celebrado pela primeira vez em 2010, sendo que desde esse ano são dinamizados eventos quer pela Associação Portuguesa de Terapeutas Ocupacionais (APTO), quer pela World Federation of Occupational Therapy (WFTO).

A terapia ocupacional é uma profissão da área da saúde que tem como principal objetivo promover o bem-estar e a qualidade de vida de pessoas de todas as idades, capacitando-as para a ocupação.

Para isso, tem em conta o desempenho e o envolvimento ocupacional de cada pessoa, nas ocupações que considere mais significativas, avaliando e intervindo ao nível de três dimensões: a pessoa, a ocupação e o ambiente. Estas ocupações poderão estar relacionadas com os autocuidados (tomar banho, vestir/despir, alimentação, entre outros), com o lazer (atividades de entretenimento) ou com a produtividade (emprego, voluntariado, atividades que contribuam para a comunidade/sociedade).

O profissional de TO atua com utentes desde recém-nascidos até idosos, em áreas tão diversas como a saúde mental, a reabilitação física, a neurologia, entre outras. Esta diversidade deve-se ao foco original da intervenção ser a ocupação, um aspeto transversal a todas as faixas etárias, uma vez que nos envolvemos constantemente em diferentes ocupações ao longo da vida.

Destinatários

A neurologia é uma área de intervenção da terapia ocupacional, com uma abordagem em patologias como a demência, a doença de parkinson e os parkinsonismos atípicos e o acidente vascular cerebral, por exemplo. As intervenções são realizadas tanto individualmente, como em grupo, dependendo de cada caso.

No que diz respeito às demências, o terapeuta ocupacional priveligia a intervenção em pequenos grupos, com o objetivo de promover o envolvimento em atividades prazerosas que se relacionem com a identidade ocupacional individual de cada um dos utentes e que respeitem as suas competências remanescentes, diminuindo a sua frustração sentida no dia-a-dia e promovendo a sua socialização e o bem-estar.

É importante realçar que, embora a terapia ocupacional seja uma área de grande importância na intervenção com as patologias acima mencionadas, será essencial que exista a articulação com uma equipa multidisciplinar, como por exemplo médicos, psicólogos, fisioterapeutas, terapeutas da fala, entre outros.

ocupacional

#multidados mundial #research #since98 #sabiaque #diamundial #terapiaocupacional

unidas

DIA DAS NAÇÕES UNIDAS

SABIA QUE … DIA 24 DE OUTUBRO SE CELEBRA O DIA DAS NAÇÕES UNIDAS?

Hoje comemora-se O Dia das Nações Unidas.

A ONU foi criada logo após a Primeira Guerra Mundial, durante as negociações que levaram ao Tratado de Versalhes em 1919.

O dia 24 de Outubro, celebra a entrada em vigor da Carta das Nações Unidas. Embora esta carta tenha entrado em vigor no ano de 1945, só em 1948 é que se começou a comemorar a data, para que desta forma o dia fosse dedicado a informar os povos do mundo dos objetivos e conquistas da ONU, e assim, conseguissem obter mais apoios para a sua causa.

A Organização das Nações Unidas possui 15 agências especializadas que atuam em áreas como saúde, finanças, agricultura, aviação civil e telecomunicações, entre outras. São entidades independentes, vinculadas às Nações Unidas por acordos especiais.

Atualmente a Organização das Nações Unidas é composta por 193 Estados Membros. Reúnem-se em Assembleia Geral e cada país, grande ou pequeno, rico ou pobre, tem um único voto; contudo, as decisões tomadas pela Assembleia não são vinculativas. No entanto, as decisões da Assembleia tornam-se resoluções, que têm o peso da opinião da comunidade internacional.

A sede das Nações Unidas fica em Nova Iorque, nos Estados Unidos, mas o terreno e os edifícios são território internacional. A ONU tem a sua própria bandeira, correios e selos postais. São utilizadas seis línguas oficiais: Árabe, Chinês, Espanhol, Russo, Francês e Inglês – as duas últimas são consideradas línguas de trabalho. A sede das Nações Unidas na Europa fica em Genebra, Suíça.

O Secretariado das Nações Unidas é chefiado pelo Secretário-Geral, neste momento, o português António Guterres. O logótipo da ONU representa o mundo rodeado por ramos de oliveira, símbolo da paz.

 

Carta das Nações Unidas

A Carta das Nações Unidas trata-se de um acordo constitutivo, onde todos os membros estão sujeitos aos seus artigos. Esta carta também afirma que as obrigações das Nações Unidas prevalecem sobre quaisquer outras estabelecidas em tratados distintos. Grande parte dos países corroboraram.

 

Objetivos da ONU?

  • Manter a paz mundial
  • Fomentar as relações entre os países
  • Eliminar a pobreza, a exclusão social e o analfabetismo
  • Incrementar a sustentabilidade
  • Promover o bem social de idosos, crianças, jovens, refugiados, etc.

unidas

#multidados #research #sabiaque #diamundial #nacoesunidas #onu

clicksummit

Hábitos do Consumidor em Portugal – ClickSummit 2018

Facebook ou Instagram, qual será a aplicação de social media mais utilizada em Portugal? E os influencers? Será que realmente induzem a compra dos produtos por eles promovidos?

Hábitos do Consumidor em Portugal é um estudo sobre a hábitos do consumidor de social media em Portugal, realizado pela multidados.com e apresentado em primeira mão na Edição do ClickSummit 2018.

O estudo propõe-se a compreender o tipo de utilização de social media dos portugueses. E ainda, identificar os principais influencers e o seu verdadeiro efeito.

Em primeiro lugar importa compreender o método de acesso às redes sociais e com isto perceber hábitos e tendências. O dispositivo preferencial acesso às redes sociais é o Smartphone (87,7%), destronando por completo o computador fixo (39,9%) e portátil (66,3%), deixando pouca possibilidade de expressão para outras alternativas como tablet/ipad (21,5%), tv com ligação à internet (6,8%) e smartwatch (1,8%).

20,1% da população inquirida assume aceder, através do smartphone, seis a vinte vezes durante o dia, 25,1% indica aceder duas a cinco vezes/dia e há ainda 23,9% dos inquiridos que assume aceder às suas redes sociais mais de vinte vezes ao dia. Através dos restantes dispositivos, a maioria indica aceder, na maioria dos casos, duas a cinco vezes durante o dia.

Em média, cada português, despende no acesso às redes sociais através do smartphone entre uma a duas horas, através do computador fixo ou portátil entre trinta a sessenta minutos.

Para uso pessoal, a maioria dos inquiridos acede em casa (92,0%), no trabalho (50,95), em restaurantes bares (42,3%) e em transportes públicos (39,9). Especialmente em casa, sendo este referido como o local e maior acesso, a maioria fá-lo a partir da sala de estar (81,0%), do quarto (67,5%), da cozinha (39,9%) e da casa-de-banho (38,0%).

Tal como esperado, as redes de maior acesso revelaram-se o facebook e o instagram. Já os motivos apontados para a utilização destas redes são: o contacto com amigos e familiares (91,4%), visualização de vídeos (54,6%), compartilhar fotografias ou vídeos (53,4%), acompanhar marcas e procurar eventos (40,5%) e acompanhar produtos (39,3%) e personalidades (34,4%).

Particularmente no que é relativo a personalidades, o estudo da multidados.com propôs-se a identificar os principais influencers e o seu verdadeiro efeito. Os resultados indicam o top 3 de personalidades é constituído por Cristiano Ronaldo (10,4%), Cristina Ferreira, Rita Pereira, Catarina Gouveia e Maria Vaidosa (1,84%) e Manuel Luis Goucha, Carolina Patrocínio, Flávia Calina e Wuant (1,23%). No que diz respeito às marcas o top of mind é constituído por Nike (6,13%), Nestlé (4,29%) e L’Oreal (3,68%). O principal canal para acompanhar quer individualidades, quer marcas é o facebook.

Mas, no entanto, a larga maioria dos indivíduos diz que estas personalidades e/ou marcas não influenciam nem o seu comportamento, nem o seu consumo. Será esta uma boa estratégia dos responsáveis de marketing para o seu público português?

 

Conheça os resultados aqui.

#multidados #research #clicksummit #socialmedia

bullying

Dia Mundial de Combate ao Bullying

Sabia que… a 20 de outubro se assinala o Dia Mundial de Combate ao Bullying?

A 20 de outubro assinala-se o Dia Mundial de Combate ao Bullying, uma prática cometida e sofrida especialmente por crianças e jovens. Segundo a UNICEF, um em cada três jovens entre 13 e 15 anos de idade é vítima de bullying na escola em todo o mundo. Mas há também registo de casos destes em adultos, uma pesquisa conduzida pela Robert Half revelou que 13% dos funcionários dos Estados Unidos chega mesmo a pedir demissão após serem vítima de bullying no ambiente corporativo.

O que é bullying

Brincadeiras de mau gosto, apelidos indesejados e comentários sobre a aparência física do indivíduo podem ser caracterizados como bullying, já que, por definição, o termo significa atos de violência física ou psicológica intencionais e repetitivos, praticados por uma pessoa ou por um grupo de indivíduos contra alguém.

O termo bullying vem do verbo “bully”, que significa “machucar ou ameaçar alguém mais fraco”.

O objetivo dos agressores é destruir a autoestima da vítima, o praticante de bullying muitas vezes também é vítima. Acredita-se que cerca de 20% dos bullies decidem praticar bullying contra outros, mais vulneráveis, já que não acreditam terem a capacidade de combater seus agressores. A vergonha é o maior entrave ao combate do bullying, as vítimas não costumam contar o problema a pais e professores.

Bullying virtual

O cyberbullying, é favorecido pelo anonimato que a internet proporciona. As redes sociais e aplicativos de mensagens são os principais meios para a prática do cyberbullying.

Insultos, campanhas difamatórias, divulgação de imagens constrangedoras e desrespeito à ética fazem parte do bullying virtual. E, mais uma vez, as principais vítimas são crianças e adolescentes, sendo que o problema é agravado na rede pelo fato milhares de pessoas poderem ter acesso àquelas ofensas dentro de alguns segundos, aumentando ainda mais a humilhação.

 

Bullying em ambiente de trabalho

Apesar de o bullying acontecer com mais intensidade em ambientes escolares e na internet, no mundo adulto a prática também é um problema. Segundo um estudo da da Robert Half, nos EUA 35% dos trabalhadores entrevistados já foram vítima de algum tipo de assédio.

O estudo revela, também, que 32% das vítimas deste bullying acabaram por permanecer na empresa optaram por confrontar o agressor, sendo que 27% reportou o problema à administração, enquanto 17% não fizeram nada para se defender. Ao receber uma denúncia de bullying, o primeiro passo que a empresa deve dar é entender o que está a acontecer, ouvindo as partes envolvidas e apontando os caminhos para que o caso não se repita. É recomendado abordar o tema abertamente, deixando claras as políticas da empresa em relação ao bullying, bem como enaltecer as possíveis penalizações que o agressor pode sofrer, além de prestar o devido apoio às vítimas.

bullying

#multidados #research #sabiaque #diamundial #combate #bullying

gaguez

Dia Internacional da Gaguez

Sabia que a 22 de Outubro se assinala o Dia Internacional da Gaguez?

A 22 de outubro, celebra-se o Dia Internacional da Gaguez.

A gaguez é uma perturbação da fluência, da comunicação em que a pessoa sabe exatamente o que quer dizer mas o seu discurso é caracterizado por repetições, prolongamentos, por pausas não esperadas e por bloqueios em que o som de fala é interrompido. Ainda se pode observar associado aos anteriores movimentos faciais ou do corpo enquanto a pessoa fala.

As causas são: a genética, 60% das pessoas com esta característica especial tem, um familiar com esta particularidade; neurológica, os estudos mais recentes revelam que pessoas intituladas de “gagos” usam áreas neuronais distintas de pessoas que não gaguejam. psicossocial, no qual se enquadram as exigências do meio envolvente. E ainda o desenvolvimento linguístico na infância.

Mais de 68 milhões de pessoas no mundo têm gaguez, ou seja 1% da população mundial, assim para Portugal estima-se que haja 100.000 pessoas com gaguez. O rácio é de 4 homens para 1 mulher.

A Associação Portuguesa de Gagos dá uma especial atenção aos mitos urbanos, digamos assim, criados sobre este tema. E pretende fechar a porta ao estigma. Deixamos aqui alguns exemplos de ideias erradas: pessoas que gaguejam são menos inteligentes; ajuda dizer à pessoa que gagueja: “respira fundo”, “pensa antes de falar”; pessoas que gaguejam são nervosas, tímidas, inseguras, stressadas, etc; o nervosismo é a causa; o stress provoca gaguez; um susto pode ser a causa, entre outros…

gaguez

#multidados #research #sabiaque #diainternacional #gaguez #gago

 

maçã

Dia da Maçã

Sabia que… a 21 de outubro se assinala o Dia da Maçã?

Assinala-se hoje, dia 21 de outubro, o Dia da Maçã.

A maçã, fruta mais conhecida por estar presente na história desde os primórdios, agora tem o seu próprio dia. Sim, o “Apple Day” foi criado em 21 de outubro de 1990, pela Associação Common Ground, como uma forma de incentivar o consumo da fruta.

Neste dia, na multidados.com quisemos saber qual é a regularidade com que os portugueses comem maçãs e os seus tipos preferidos.

25,3% dos inquiridos afirma consumir maçãs diariamente, 33,3% uma vez por semana e ainda 24,0% da população assume consumir pão duas a três vezes por semana. Há ainda 17,3% da população que assume nunca consumir algum tipo de maçãs.

O maçã é um alimento transversal a muitas culturas e presente em vários momentos do dia, contribuindo para tal a grande variedade. No estudo da multidados.com as preferências recaem sobre as maçãs Granny Smith 26,7%, a maçã Golden 20,0% e a maçã Vermelha, 10,7%.

A maçã ajuda a controlar certas doenças como diabetes, melhora a digestão, contribuindo para um melhor aproveitamento dos nutrientes e é indicada para quem deseja emagrecer, porque é rica em fibras e tem poucas calorias.

Além disso a maçã é rica em antioxidantes, água e vitaminas, e por isso a maçã tem os seguintes benefícios para saúde:

  • Diminuição do colesterol;
  • Controlo da diabetes, porque tem baixo índice glicémico;
  • Ajuda a emagrecer, porque tem água e fibras que diminuem o apetite;
  • Melhora a prisão de ventre, porque as fibras solúveis desintoxicam o aparelho digestivo;
  • Aliviar as dores de gastrite e cicatrizar úlceras gástricas, pois as fibras formam um gel que protege a mucosa do estômago.

 

Como utilizar a maçã para aproveitar seus benefícios

  1. Maçã cozida ou assada – útil principalmente em caso de problemas gastrointestinais como vômitos ou diarreia
  2. Maçã crua com casca – ajuda a diminuir o apetite pois tem muitas fibras e a regular o intestino
  3. Maçã crua sem casca – indicado para prender o intestino
  4. Sumo de maçã – ajuda a hidratar, regular o intestino preso e diminuir o apetite porque tem uma fibra chamada de pectina que fica no estômago mais tempo aumentando a saciedade
  5. Maçã desidratada – ótima para as crianças, pois tem uma textura mais crocante que pode ser usada como substituto da batata frita, por exemplo.
  6. Chá de maçã – melhora a digestão e alivia a prisão de ventre.

 

Comer 1 maçã por dia é um ótima forma de aproveitar todos os seus benefícios, garantindo mais saúde. 1 maçã média tem aproximadamente 130 g e 74 calorias.

maçã

#multidados #research #sabiaque #dia #maca

estatística

Dia Mundial da Estatística

Sabia que a 20 de Outubro se assinala o Dia Mundial da Estatística?

Comemora-se hoje o Dia Mundial da Estatística.

Graças à estatística, a tomada de decisão é atualmente baseada em factos e informação que hoje é um standard para todos os agentes económicos, desde Estados a empresas e cidadãos, que não poderia existir nos moldes atuais sem sistemas estatísticos de qualidade. Estes são hoje universalmente considerados elementos fundamentais no sistema de informação das sociedades atuais.

O desafio que se coloca hoje à estatística é o de produzir informação mais abrangente, com maior nível de granularidade, com mais precisão e mais rapidamente. A resposta a estes desafios passa por uma maior utilização de dados e das novas fontes digitais, mas também de métodos mais inovadores de recolha de dados em operações estatísticas. Na multidados.com iniciamos este desafio de ser o mais rápidos e abrangentes possível há 20 anos com o lançamento do painel online multidados.com.

Vivemos numa sociedade onde cresce, a cada dia, o número de fontes digitais, que incluem áreas como as redes sociais, as telecomunicações móveis, os dispositivos inteligentes, os sensores e o comércio eletrónico. Tudo isto constitui uma fonte de informação potencial de tratamento estatístico.

Neste dia Mundial da Estatística celebramos o core business da multidados.com bem como as motivações que fomentaram a criação desta organização: a partilha e o conhecimento proporcionado pelo estatística.

estatística

#multidados #research #sabiaque #diamundial #estatistica

alimentação

Dia Mundial da Alimentação

Sabia que… a 16 de outubro se assinala o Dia Mundial da Alimentação?

O Dia Mundial da Alimentação é celebrado desde 1981. Esta data é comemorada por mais de 150 países com o intuito de alertar e consciencializar a opinião publica para questões globais relacionadas com a alimentação e nutrição.

Também a 16 de outubro, mas de 1945, no Canadá (Quebec), foi fundada a FAO – Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação, com a missão de aumentar os níveis de nutrição e os padrões de vida, melhorar a produtividade na agricultura e as condições de vida das populações rurais.

A multidados.com tentou perceber o comportamento dos portugueses e os seus hábitos alimentares. 51,3 % da população assume ter um cuidados especial com a sua alimentação. Mas, por oposição, 57,9% dos inquiridos afirma ainda não ter em consideração o valor nutricional dos alimentos que consome.

A distribuição média diária por tipo de alimentos de um português é de:

  • Hidratos de Carbono 28,2%
  • Hortícolas 15,1%
  • Fruta 12,0%
  • Lacticínios 18,8%
  • Proteínas 17,4%
  • Leguminosas 2,5%
  • Óleos e Gorduras 6,0%

Uma alimentação que se pode considerar razoavelmente equilibrada.

Relativamente à forma como acompanham a sua refeição, a maioria dos portugueses diz acompanhá-la com água, 65,8%, 9,2% consomem ou refrigerantes ou sumos sem gás, 5,3% acompanha as suas refeições com vinho e 1,3% bebe às refeições sumos naturais. Há ainda 9,2% da população que diz não acompanhar as suas refeições com qualquer bebida.

Por fim, 34,2% da população diz beber em média 0,5 a 1 litro de água por dia, 31,6% afirma ingerir entre 1 a 1,5 litros, 26,3% bebe diariamente mais de 1,5litros e ainda, 7,9% afirma consumir menos de 0,5 litros de água por dia

Resumidamente, os objetivos primordiais para a celebração do Dia Mundial da Alimentação são:

  • Aumentar a sensibilidade geral para o problema da fome no mundo;
  • Chamar a atenção para a produção agrícola de alimentos e estimular os esforços nacionais, bilaterais, multilaterais e não-governamentais para este fim;
  • Promover a transferência de novas tecnologias para os países em desenvolvimento;
  • Fortalecer a solidariedade internacional e nacional na luta contra a fome, subnutrição e pobreza e dedicar especial atenção ao progresso nas áreas da alimentação e agricultura;
  • Encorajar a participação da população rural, particularmente das mulheres e das camadas sociais mais desfavorecidas, nas decisões e atividades que influenciam as suas condições de vida;
  • Encorajar a cooperação técnica e económica no seio dos países em desenvolvimento.

O importante mesmo neste dia é refletir sobre os melhores indicadores e em ações que fomentem hábitos alimentares mais saudáveis.

alimentação

#multidados #research #sabiaque #diamundial #alimentacao

pão

Dia Mundial do Pão

Sabia que… a 16 de outubro se assinala o Dia Mundial do Pão?

Assinala-se hoje, dia 16 de outubro, o Dia Mundial do Pão. O pão é um dos alimentos que marca presença à mesa da maioria dos portugueses. Ao pequeno-almoço, a meio da manhã, no lanche da tarde, este é um alimento perfeito para manter um regime alimentar equilibrado.

O Dia Mundial do Pão é assinalado desde 2000, para valorizar o produto mais popular nas mesas de todo o mundo, lembrar a sua importância na alimentação diária e a sua versatilidade no preparo de inúmeras receitas. A escolha desta data tem origem em Nova York e é da responsabilidade de da UIB – International Union of Bakers and Bakers-Confectioners (União Internacional de Padeiros e Afins).

Neste dia, na multidados.com quisemos saber qual é a regularidades com que os portugueses comem este serial e os seus tipos de pão preferidos.

Mais de metade da população, 56,0% dos inquiridos afirma consumir este alimento diariamente, 22,7% uma vez por semana e ainda 21,3% da população assume consumir  duas a três vezes por semana.

O pão é um alimento transversal a muitas culturas e presente em vários momentos do dia, contribuindo para tal a grande variedade de gama de pães a que hoje temos acesso, quer a nível de formatos, quer a nível de composição ao incluir diferentes cereais como o centeio, a cevada, a espelta, o trigo integral ou outros. O tipo de pão e de utilizações é então muito variado, mas no estudo da multidados.com as preferências recaem sobre o pão de centeio 14,7%, o pão integral 7,1% e o pão de sementes 6,7%.

Há muitos motivos para incluir o este serial na sua alimentação diária:

  • Fonte de fibra alimentar, essencial ao bom funcionamento do organismo.
  • Fonte de vitaminas e minerais.
  • Rico em hidratos de carbono complexos, promovendo uma maior saciedade e energia para todo o dia.
  • Preço acessível.
  • Disponível a toda a população – grande nível de distribuição.
  • Menor teor de sal em comparação com os seus substitutos.
  • Grande variedade
  • Muito prático – pode ser consumido em qualquer lugar e em qualquer momento do dia.

É por isso mesmo que não podemos deixar de comemorar o dia que celebra o alimento do nosso dia-a-dia.

pão

#multidados #research #sabiaque #diamundial #pao