diabetes

Dia Mundial da Diabetes

 Sabia que…. a 14 de novembro se assinala Dia Mundial da Diabetes?

Em primeiro lugar, o dia 14 de Novembro é anualmente destinado pela International Diabetes Federation – IDF para sensibilizar a comunidade em todo o mundo para o problema da diabetes e das pessoas com esta mesma doença.

Portanto, a celebração do Dia Mundial da Diabetes, tem como finalidade primária chamar a atenção das entidades oficiais, dos profissionais de saúde, da comunicação social e da comunidade em geral para a problemática.

E ainda, a diabetes é uma doença crónica com uma prevalência mundial de mais de 500 milhões de pessoas, tendo uma prevalência estimada em Portugal de mais de um milhão de pessoas e provavelmente mais 500 mil que o são, mas não se encontram diagnosticados.

Além disso, este dia coincide com o aniversário de Frederick Banting. Juntamente com Charles Best, Frederick Banting criou a primeira ideia que levou à descoberta da insulina em 1922. O círculo azul é o símbolo que representa da doença e, logo, que está relacionado com a comemoração mundial dedicada à conscientização da problemática.

Então, no ano de 2018 a IDF e as organizações que se dedicam à doença em termos científicos, tal como a as associações de doentes, procuram sensibilizar os portugueses para o problema que esta doença ainda sem cura representa, numa campanha sob o lema “A família e a diabetes”.

Fatores de Risco

A Diabetes é uma doença silenciosa, o que significa que geralmente, se não forem feitos exames médicos, a pessoa pode não ter consciência de que tem esta condição.

Os principais fatores de risco são:

  • Excesso de peso e obesidade
  • Ingestão de açúcar e gordura em excesso
  • Sedentarismo
  • História familiar e herança genética
  • Idade
  • Stress
  • Alcoolismo
  • Pré-Diabetes
  • Diabetes gestacional

Diagnóstico

Acima de tudo, perante a desconfiança, há que proceder o mais rapidamente possível a uma análise à glicemia (nível de açúcar no sangue) para despistagem ou confirmação do diagnóstico. Pode dirigir-se a uma farmácia para fazer esta análise, que implicará apenas uma simples picada no dedo. O diagnóstico faz-se com glicemia de laboratório em jejum >126 e ocasional >200. Já os valores de glicemia capilar permitem suspeitar do diagnóstico da doença, mas não servem para o diagnóstico.

Prevenção

Em primeiro lugar, a prevenção da Diabetes, para quem tem um ou vários destes fatores de risco, mas não tem ainda o diagnóstico da doença, passa por adotar um estilo de vida mais saudável e consultar o médico, fazendo exames regulares de diagnóstico.

Em segundo lugar, para quem tem o diagnóstico da doença, a prevenção também é um fator importante para o controlo da doença e para uma maior qualidade de vida.

Por fim, a prevenção passa por alguns pontos-chave, fundamentais para ter uma vida mais saudável:

  • Entender a doença
  • Adotar um estilo de vida saudável
  • Adotar uma alimentação equilibrada
  • Praticar exercício físico regularmente
  • Controlar a diabetes
  • Monitorizando periodicamente os níveis de glicemia no sangue
  • Medicar-se, quando necessário.

#multidados #research #since98 #sabiaque #diamundial #diabetes

orfao

Dia Mundial do Órfão

Sabia que…. a 12 de novembro se assinala Dia Mundial do Órfão?

A data comemora-se todos os anos na segunda segunda-feira de novembro. Um tema que é ainda pouco explorado em Portugal.

Guerra, fome, doença ou pobreza são algumas das causas de existirem cerca de 153 milhões de órfãos no mundo. De dois em dois segundos uma criança algures no globo perde o direito a pertencer a uma família e a ter uma vida normal. Neste dia faz-se um apelo à comunidade global para a causa dos órfãos, para a causa de todas as crianças sem pai e sem mãe que existem no mundo.

Chamados a partilhar a suas convicções e opiniões sobre o tema, os portugueses não hesitaram em classificar de “muito difícil” o processo adotivo em Portugal. Uma vez que chamados a partilhar a sua posição relativamente a este tema, numa escala onde 0 significa ” Muito difícil” e 10 significa “Muito fácil”, a pontuação média foi de 3,83.

Os estudos apontam para a gravidade da situação dos órfãos acolhidos em instituições, desde a violência ao abuso sexual. Entre estas crianças, 10% a 15% cometem suicídio antes de atingirem a maioridade. A larga maioria dos órfãos nunca é adotado.

Os portugueses, 65,1% da população, consideraria a opção de adotar, enquanto 34,9% não coloca essa hipótese na sua vida. E ainda, a larga maioria, 75,6% que acredita não existir em Portugal proteção suficiente para as criança institucionalizadas.

Por fim, questionados sobre a adopção homossexual, 77,9% dos portugueses diz concordar e aprovar, enquanto 22,1% discorda desta hipótese. Já no caso da adopção monoparental, 89,5% dos inquiridos concorda com esta questão, enquanto 10,5% discorda da mesma.

Resumidamente, dia para refletir sobre estas crianças que pouco mais desejam que uma família para si.

orfão

#multidados #research #since98 #sabiaque #diamundial #orfao

 

pneumonia

Dia Mundial da Pneumonia

Sabia que…. a 12 de novembro se assinala Dia Mundial da Pneumonia?

Em Portugal, em média, por semana, morrem 161 pessoas, vítimas de pneumonia, e gastam-se mais de 1.5 milhões de euros, só em tratamentos e internamentos, segundo um estudo recente. O mesmo estudo revela ainda que que, o simples ato de vacinação pode reduzir o risco de hospitalização por Pneumonia em 73%.

Inquiridos pela multidados.com, a maioria dos portugueses afirma saber do que se trata quando falamos em pneumonia. A maioria, 95,0% indica que que é uma infeção pulmonar e 5,0% indica que é uma infeção respiratória.

60,5% dos portugueses acredita que esta não é uma doença contagiosa e 39,5% acreditam precisamente no contrário, que esta pode ser uma patologia transmitida. Na verdade, não existe uma resposta simples. Em geral, não, a pneumonia não é uma doença contagiosa. Porém, existem exceções. Há alguns tipos especiais de pneumonia que podem ser transmitidas de uma pessoa para outra, como as pneumonias de origem viral e algumas formas de pneumonia bacteriana.

Questionados quanto à sua posição relativamente à gravidade da doença, numa escala onde 0 representa “Pouco grave” e 10 significa “Muito grave”, a pontuação média foi de 7,9. O que nos indica que no geral, os portugueses, estão preocupados e informados sobre a gravidade da doença.

Apesar de ser transversal à sociedade, há quem esteja mais vulnerável à Pneumonia. É o caso das crianças ou adultos que apresentem doenças crónicas como diabetes, asma, DPOC, doença respiratória crónica, doença cardíaca, doença hepática crónica, portadores de VIH e doentes renais. Bem como, idosos a partir dos 65 anos, cujo sistema imunitário começa a ficar, naturalmente, mais fragilizado e susceptível a doenças infeciosas.

Como medidas preventivas da pneumonia são apresentadas pelos inquiridos do estudo as hipóteses: Alimentação saudável, prática de exercício, não fumar, evitar exposição ao ar condicionado, usar roupas quente, evitar o contacto com outros doente e ser vacinado.

pneumonia

#multidados #research #since98 #sabiaque #diamundial #pneumonia

Dia-Europeu-da-alimentação-saudável_blog

Dia Mundial da Alimentação e Cozinha Saudáveis

Sabia que… a 8 de novembro se assinala o Dia Mundial da Alimentação e Cozinha Saudáveis?

A multidados.com tentou perceber o comportamento dos portugueses e os seus hábitos alimentares. 51,3 % da população assume ter um cuidados especial com a sua alimentação. Mas, por oposição, 57,9% dos inquiridos afirma ainda não ter em consideração o valor nutricional dos alimentos que consome.

A distribuição média diária por tipo de alimentos de um português é de:

  • Hidratos de Carbono 28,2%
  • Hortícolas 15,1%
  • Fruta 12,0%
  • Lacticínios 18,8%
  • Proteínas 17,4%
  • Leguminosas 2,5%
  • Óleos e Gorduras 6,0%

Uma alimentação que se pode considerar razoavelmente equilibrada.

Relativamente à forma como acompanham a sua refeição, a maioria dos portugueses diz acompanhá-la com água, 65,8%, 9,2% consomem ou refrigerantes ou sumos sem gás, 5,3% acompanha as suas refeições com vinho e 1,3% bebe às refeições sumos naturais. Há ainda 9,2% da população que diz não acompanhar as suas refeições com qualquer bebida.

Por fim, 34,2% da população diz beber em média 0,5 a 1 litro de água por dia, 31,6% afirma ingerir entre 1 a 1,5 litros, 26,3% bebe diariamente mais de 1,5litros e ainda, 7,9% afirma consumir menos de 0,5 litros de água por dia

O importante mesmo neste dia é refletir sobre os melhores indicadores e em ações que fomentem hábitos alimentares mais saudáveis.

#multidados #research #sabiaque #dia #alimentacao #cozinha #saudaveis

 

cinema

Dia Mundial do Cinema

Sabia que… a 5 de novembro se assinala o Dia Mundial do Cinema?

Hoje assinala-se o Dia Mundial do Cinema e é uma boa ocasião para fazer um balanço do estado do Cinema em Portugal. Nos últimos anos, temos vindo a assistir a um aumento do número de espetadores nas salas de cinema. Entre 2015 e 2017 este crescimento foi muito acentuado, pois a recuperação económica fez-se sentir fortemente. As pessoas estavam ávidas de entretenimento, de lazer, cultura e voltaram às salas.

O ano de 2018 tem vindo a apresentar um decréscimo face ao ano anterior mas este facto prende-se essencialmente com a oferta de filmes em cartaz e com o calendário dos mesmos – é quase impossível ter todos os anos um cartaz imbatível, como o que tivemos no ano passado.

A sétima arte é considerada por muitos a arte mais mágica, pela sua influência sobre as emoções humanas. O cinema inspira milhões de pessoas, assim como as faz sonhar, rir, chorar e gritar de medo a qualquer altura do dia. Sem o cinema o mundo não seria certamente o mesmo.

Neste dia, a multidados.com procurou perceber a preferências dos portugueses nesta arte. Quando questionados sobre o tipo de conteúdo que tem por hábito assistir, a maioria (e com uma tendência crescente) opta pelas séries, 45,1%. As razões apontadas pelos portugueses para optarem por séries em detrimento dos filmes é que os primeiros são mais curtos, 50,0%, existe uma maior variedade, 31,0% e ainda outras razões, num total de 19,0%. Já o cinema, o rei do dia de hoje, é o conteúdo preferido de 42,9% dos inquiridos. Há ainda 12,1% da população que não te por hábito assistir a nenhum, filmes ou séries.

A variedade é muita, mais top 3 dos géneros de filmes preferidos pelos portugueses é: comédia, 25,3%, ação, 14,7% e o terror, 13,7%. Há ainda referência (por ordem decrescente) a ficção científica, drama, animação, aventura, romance e thriller.

A maioria das pessoas costuma assistir a filmes em casa, 76,9% e apenas 23,1% assistem a filmes no cinema. O que tem naturalmente relação direta com a questão seguinte que colocamos aos portugueses. Foi pedido aos inquiridos que numa escala onde 0 correspondia a “barato” e 10 correspondia “caro” classificassem o preço médio dos bilhetes de cinema em Portugal. A pontuação foi de 8,1. Uma opinião clara sobre o descontentamento dos preços praticados pelos cinemas em portugal.

Escolher o filme da nossa vida não é tarefa fácil. Mas no Dia Mundial do Cinema, a multidados.com desafiou os portugueses a eleger uma história do grande ecrã e as respostas foram: Titanic, Indiana Jones e Sete Vidas.

Neste dia, o destaque vai, no entanto, para a exibição gratuita de filmes, criteriosamente escolhidos para a data, pelos espaços culturais.

Hoje, nada é descurado, desde filme à pipoca preferida.

#multidados #research #since98 #sabiaque #diamundial #cinema

cinema

salarial

Dia da Igualdade Salarial

Sabia que… a 2 de novembro se assinala o Dia da Igualdade Salarial?

Portugal é um país desigual. Usando o coeficiente de Gini como indicador do nível de desigualdade, Portugal é o terceiro país mais desigual da OCDE, atrás da Irlanda e da Grécia, se considerarmos os rendimentos brutos. A desigualdade diminui substancialmente quando se analisam os rendimentos após impostos e subsídios. Neste caso, a posição de Portugal passa para o décimo segundo lugar, sendo os países mais desiguais o Chile, o México, a Turquia e os Estados Unidos. Estes resultados mostram que o Estado Social, característico dos países europeus, é um instrumento relevante na redistribuição do rendimento a favor das famílias com menores recursos.

Primeiramente, os portugueses foram chamados, pela multidados.com, a indicar aquelas que acreditam serem os níveis onde se verificam maiores assimetrias salariais, considerando as disparidades: homens vs mulheres, por nível de qualificação, por nível de escolaridade, por atividades económica e por região. O top 3 é composto por desigualdades

  • Homens vs Mulheres
  • Por Atividade Económica
  • Por Região

Posteriormente, questionados sobre a sua posição relativamente à afirmação “Portugal é um país muito imparcial na distribuição salarial”. Onde 0 correspondia a “discordo planamente” e 10 significava “concordo plenamente”. A pontuação média é de 5,4. Uma clara divisão de opiniões relativamente a este tema.

Por fim, considerando um total de 100% como consideraram os portugueses ser a percentagem real atual da distribuição salarial homem vs mulher (com igual nível de experiência e escolaridade)? A resposta é de 58% homem vs 42% mulher.

O que os estudos nos dizem é que ao ritmo atual o mundo vai precisar de 118 anos para acabar com as desigualdades salariais entre homens e mulheres, por isso, há ainda muito a fazer para equilibrar a balança.

 

#multidados #research #since98 #sabiaque #igualdadesalarial

 

 

veganismo

Dia Mundial do Veganismo

Sabia que… a 1 de novembro se assinala o Dia Mundial do Veganismo?

No primeiro dia do mês de novembro comemora-se o Dia Mundial do Veganismo. Num mês que é inteiramente dedicado a um movimento a respeito dos direitos dos animais.

Quem o segue, não consome qualquer tipo de produto de origem animal.

Na multidados.com procuramos perceber o que sabem os portugueses sobre este movimento.

Primeiramente, questionados sobre qual pensam ser a carência mais comum de uma dieta vegan desequilibrada? A maioria responde a falta de proteína, 50,5%. Sendo que a resposta correta seria a aquela que ocupa a terceira posição com, 20,4% das respostas: a falta de vitamina B (proteína e cálcio). Foram ainda registadas as respostas falta de vitamina A, 6,5%. Há mais 22,6% da população inquirida que acredita que não há nenhum tipo de carência numa dieta vegan desequilibrada.

Da mesma forma, inquiridos sobre qual a principal diferença entre um vegetariano e um vegan. A grande maioria, 73,1% da população indica corretamente que “a maioria dos vegans não consome ovos, leite ou mel e os vegetarianos sim”. 19,4% acredita que o vegan defende os animais e o vegetariano não. 11% dos inquiridos acredita que os vegetarianos só comem sementes e os vegans não. E ainda, 6,5% dos portugueses acredita que não há qualquer diferença e é praticamente o mesmo.

Por fim, relativamente à sua posição quanto à afirmação “Uma dieta vegan equilibrada é benéfica para a saúde”. Numa escala onde 0 correspondia a “discordo plenamente” e 10 significava “concordo plenamente”, a classificação média obtida foi de 6 pontos. O que traduz claramente a ainda escassa informação sobre estes movimentos, bem como os seus benefícios ou prejuízos.

Quer seja por razões éticas ou de saúde… o certo é que cada vez mais pessoas se juntam ao “lado” vegan da vida.

veganismo #multidados #research #since98 #sabiaque #mes #veganismo

poupanca

Dia Mundial da Poupança

Sabia que… a 31 de outubro se assinala o Dia Mundial da Poupança?

Neste dia 31 de outubro celebra-se o Dia Mundial da Poupança. É um bom pretexto para rever as suas poupanças.

Segundo um estudo da multidados.com, mensalmente 58,7% dos entrevistados conseguem poupar algum dinheiro, enquanto 41,3% não conseguem poupar ou tiveram de recorrer a parte de seus recursos para poder pagar as contas.

Os métodos para poupar escolhidos pelos portugueses são os mais variados. 97,3% aproveita as promoções do hipermercado, 93,3% compra produtos de marcas brancas, 90,7% da população aproveita a época de saldos, 85,3% tem em conta o consumo elétrico, 82,7% tem em atenção o consumo de águas, 68,0% tem cuidado com o consumo de gás, 42,7% utiliza os transportes públicos em detrimento do transporte próprio. Há ainda 52,0% dos inquiridos que escolhem outros métodos de poupança.

A maioria dos portugueses, 56,0% consegue poupar mesmo tendo dinheiro disponível e ainda 34.7% utiliza um mealheiro.

Um resultados que vão de encontro à opinião dos especialistas “a estratégia do ‘pague-se antes”. Quando você separa, por exemplo, logo à partida 10% do rendimento mensal é um poupança mais eficiente, que pode ser difícil no início, mas gradualmente o individuo aprende a viver com os 90% restantes.

Dicas para poupar

  • Fazer um balanço de rendimentos e despesas: descobrir quais despesas podem ser reduzidas ou cortadas;
  • Estabelecer projetos de investimentos (metas);
  • Fazer orçamentos para cada uma dessas metas;
  • Não poupe só se sobrar dinheiro;
  • Agendar investimentos;
  • Monitorizar periodicamente suas aplicações.

poupanca

#multidados #research #since98 #sabiaque #diamundial #poupanca

mama

Dia Nacional da Prevenção do Cancro da Mama

Sabia que… a 30 de outubro se assinala o Dia Nacional da Prevenção do Cancro da Mama?

Hoje, comemora-se em todo o país o dia nacional da prevenção do cancro da mama. Esta é uma das mais graves ameaças à vida e saúde das mulheres. Em Portugal, todos os anos, são diagnosticados cerca de 3500 novos casos.

O papel da prevenção reside fundamentalmente no diagnóstico precoce, pois o processo causador da doença é muito complexo e são responsáveis não apenas um facto, mas sim múltiplos e variados fatores que nos rodeiam.

O diagnóstico precoce do cancro da mama é fundamental para a cura da doença.

E nesse sentido, as recomendações mundiais assentam na realização periódica de Mamografias , para que em casos desenvolvimento de um tumor, o diagnosticado se faça numa fase muito inicial e curável.

É muito importante realizar estes exames, geralmente o cancro da mama não dá sintomas e só mais tarde pelo seu crescimento agressivo vai envolvendo as estruturas vizinhas e torna-se palpável.

Além da Mamografia, o autoexame mamário realizado pela mulher é fundamental para conhecer a forma da glândula e detetar alguma alteração e procurar o sem médico de imediato.

A idade de início de Mamografia para um verdadeiro rastreio de mulheres sem sintomas deverá ser iniciado aos 45-50 anos e periodicamente.

Em famílias, onde verifique vários membros afetados com cancro da mama, estes assumem características específicas devendo todas as mulheres serem submetidas a rigoroso controlo mais periódico ou realização de testes genéticos.

A mensagem fundamental é diagnosticar cada vez mais cedo, para a cirurgia realizar a cura do cancro. E graças aos rastreios cada mais divulgados, tem aumentado o diagnóstico de tumores mais precoces. Nestes casos, é atualmente possível realizar cirurgias menos agressivas e não mutilantes para a mulher.

Atualmente uma mulher com um diagnóstico precoce, realizará a cirurgia mínima da mama e da axila com internamento de 24-48 horas podendo retomar a sua atividade regular.

Por fim, a cirurgia permanece o mais efetivo tratamento do cancro da mama e continua a ser cada vez mais a realização da cirurgia conservadora ao longo deste últimos anos, e será cada vez mais realizada quanto mais precoce o diagnóstico for realizado.

mama

#multidados #research #since98 #sabiaque #dianacional #cancromama

cerebral

Dia Mundial AVC

Sabia que… a 29 de outubro se assinala o Dia Mundial do AVC – Acidente Vascular Cerebral?

A multidados.com neste Dia Mundial do AVC procurou perceber qual o nível de conhecimento sobre este tempo da população em geral.

92% da população sabe o que significa a sigla AVC: Acidente Vascular Cerebral.

Um AVC resulta da lesão das células cerebrais, que morrem ou deixam de funcionar normalmente, pela ausência de oxigénio e de nutrientes na sequência de um bloqueio do fluxo de sangue (AVC isquémico) ou porque são inundadas pelo sangue a partir de uma artéria que se rompe (AVC hemorrágico).

As células do cérebro morrem pouco tempo depois da ocorrência do AVC. Contudo, estas podem durar algumas horas se o fluxo de sangue não estiver completamente interrompido. Por essa razão, é fundamental agir rapidamente de modo a minimizar as lesões cerebrais causadas por um AVC.

Em Portugal, é comum designar-se o AVC como “trombose”.

Para os portugueses inquiridos pela multidados acreditam que este é um problema que afeta maioritariamente idosos e pessoas obesas.

A verdade é que, o acidente vascular cerebral (AVC) é a principal causa de morte em Portugal. Em todo o mundo, estima-se que: uma em cada seis pessoas terá um AVC; a cada segundo uma pessoa sofre um AVC; e a cada 6 segundos o AVC é responsável pela morte de alguém.

Em média, por ano, 15 milhões de pessoas no mundo sofrem um AVC e, dessas, 6 milhões não sobrevivem.

De acordo com a Sociedade Portuguesa do Acidente Vascular Cerebral, Portugal é, na Europa Ocidental, o país com a mais elevada taxa de mortalidade, sobretudo na população com menos de 65 anos de idade.

 

 Sinais de AVC

Questionados sobre aqueles que poderiam ser os sinais de alerta para um AVC, os principais atributos indicados são a dormência 8,7%, a boca torta, 8,2% e a dor de cabeça forte, 6,6%.

Uma vez que o cérebro controla as funções corporais, os sinais do AVC irão variar em função da área afetada. Se o AVC afetar a área que controla os movimentos do corpo do lado direito, esse lado do corpo irá ficar com a mobilidade reduzida.

Como o cérebro também controla os processos mentais mais complexos, como a comunicação, as emoções, o raciocínio e o pensamento. Todas estas funções tenderão a ficar afetadas após um AVC.

Um AVC ocorre de forma súbita, pela oclusão ou pela rotura de uma artéria, e, portanto, os seus efeitos no corpo são imediatos.

De um modo geral, é simples reconhecer um AVC recorrendo à regra dos 5 F’s. Estes sintomas podem surgir de forma isolada ou em combinação:

 

  • Face: a face pode ficar assimétrica de uma forma súbita, parecendo um “canto da boca” ou uma das pálpebras estarem descaídos. Estes sinais poderão ser melhor percebidos se a pessoa afetada tentar sorrir.
  • Força: é comum um braço ou uma perna perderem subitamente a força ou ocorrer uma súbita falta de equilíbrio.
  • Fala: a fala pode parecer estranha ou incompreensível e o discurso não fazer sentido. Com frequência, a pessoa parece não compreender o que se lhe diz.
  • Falta de visão súbita: a perda súbita de visão, de um ou de ambos os olhos, é um sintoma frequente num AVC, bem como a visão dupla.
  • Forte dor de cabeça: igualmente, é importante valorizar uma dor de cabeça súbita e muito intensa, diferente do padrão habitual e sem causa aparente.

Quais os fatores de risco para o AVC?

  • Os fatores de risco são muito numerosos e, quanto maior for o seu número, maior o risco de ocorrência de um AVC.
  • Alguns desses fatores não são controláveis, como a idade, o género (mais frequente nos homens) e a genética. Em relação à idade, é importante referir que cerca de 25% dos AVCs ocorrem em pessoas jovens.
  • A diabetes, a hipertensão arterial, o colesterol, a obesidade, o sedentarismo, as arritmias, tabaco e álcool.

Nestes casos, é essencial ligar imediatamente para o 112, explicando tudo o que se está a passar. O paciente será atendido como prioritário num Serviço de Urgência onde o tratamento será prontamente instituído e o diagnóstico realizado.

Todos os minutos contam, ou por outras palavras, em contexto de AVC: Tempo é cérebro!”

avc

#multidados #research #since98 #sabiaque #diamundial #avc