liganos

Mais de 95% dos adeptos afectos ao Benfica acreditam que o seu clube vai ser campeão 2019-20

No arranque da nova época de futebol, os três grandes partem em igualdade pontual, mas estarão os adeptos de Benfica, Porto e Sporting igualmente confiantes no desempenho da sua equipa?

O Benfica sagrou-se campeão na época passada ao vencer a liga NOS por 2 pts. de vantagem em relação ao segundo classificado, o FC Porto – que chegou a estar na liderança a maior parte do campeonato. Estarão as memórias recentes a melindrar os portistas e a encorajar os encarnados? E o Sporting, será Keizer o responsável pelo insucesso passado da equipa?

Num estudo online realizado pela multidados.com foi questionado aos adeptos de futebol qual pensam ser a posição em que acreditam que o seu clube de eleição irá terminar a nova época.

 São as águias os adeptos mais confiantes: 95,7% acreditam que o SLB irá terminar o presente campeonato em 1º lugar e ainda 3,8% acredita que será a segunda posição que o seu clube irá ocupar em Maio de 2020. Dragões e Leões são menos otimistas em relação ao seu clube. São 84,1% os adeptos do clube da cidade invicta que acreditam vir a festejar nos Aliados mais um título e 14,8% aqueles que o FCP irá repetir a segunda posição da época passada. Já o clube de Alvalade tem neste momento, dos três grandes, os adeptos mais descrentes, são apenas 46,1% aqueles que acreditam que o Sporting poderá vir a ser campeão na presente temporada e 21,6% aqueles que acredita no segundo lugar, existindo ainda 32,2% de adeptos que acreditam que o SCP alcançará posições inferiores – resultados pouco motivadores para um clube que normalmente se apresenta como candidato ao título.

Os jogadores são, em todos os clubes, um elemento essencial para o sucesso ou insucesso destes. Na multidados.com questionámos os adeptos sobre aqueles que consideram ser mais imprescindíveis e aqueles que descartariam do seu atual plantel.

No Benfica, Pizzi – o atual capitão dos encarnados – é para os adeptos do clube o jogador mais indispensável com 25,9%, seguindo-se o avançado Seferović (13,2%) e o defesa Rúben Dias (11,9%). Também o FC Porto o capitão dos azuis e brancos é para os seus adeptos o jogador mais indispensável, Danilo Pereira arrecadou 32,8% do votos, seguido do sub-capitão Alex Telles (24,6%) e o sub-capitão das Seleção Nacional, Pepe (10,6%). A popularidade dos capitães é inegável dentro dos clubes e o Sporting é o melhor exemplo disto, para os seus adeptos, Bruno Fernandes é o jogador mais importante da sua equipa com uns expressivos 45,7%, seguido pelo avançado Bas Dost (10,0%) e pelo defesa Mathieu (8,9%).

Se existem jogadores indispensáveis em cada plantel também existem jogadores que os adeptos preferiam ver pelas costas. Os adeptos encarnados dispensariam já: o guarda-redes Mile Svilar (9,4%) e exe quo com o extremo sérvio Zivkovic e o médio argentino Cervi (7,3%). Já os adeptos do clube do norte por sua vez dispensariam o avançado Fernando Andrade (18,5), o médio Sérgio Oliveira (7,9%) e o avançado Soares (5,3%). No Sporting as escolhas para os mais dispensáveis recaem em Tiagi Ilori (19,3%), regressado ao Sporting na época passada, lateral Bruno Gaspar (13,9%) e o avançado Abdoulay Diaby (8,7%).

Por fim, o campeonato passado ficou inevitavelmente marcado pela saída de Rui Vitória e a chegada de Bruno Lage à equipa do Benfica que ao leme dos encarnadoss reduziu, jornada a jornada, a diferença pontual o FC Porto chegando a alcançar o primeiro lugar do campeonato. No Benfica, ninguém parece duvidar das capacidade de Bruno Lage e quando pedido para avaliar o desempenho do seu treinador, numa escala onde 0 significa “muito insatisfeitos” e 10 “muito satisfeito”, o treinador que devolveu o sonho aos benfiquistas que já não acreditavam a recuperar 7 pontos de diferença alcança uma pontuação claramente positiva de 8,75. Sérgio Conceição que levou os portistas aos quartos de final da liga dos campeões, que se sagrou vice campeão da Liga NOS, da Taça de Portugal e da Taça da Liga não parece ser tão considerado como o seu principal rival, alcança entre os dragões uma pontuação 7,77 no índice de satisfação. Já Marcel Keizer parece nunca ter convencido os leões, mesmo tendo vencido a Taça de Portugal e a Taça da Liga conquista, para os adeptos o sporting, uma pontuação de apenas 6,57 no índice de satisfação, o pior dos três grandes.

O estudo da multidados.com continua a estar disponível em bit.ly/2JLLoCv dê-nos a sua opinião, acumule pontos e ganhe prémios no nosso painel online.

Grande Consumo

multidados.com – the research agency e Grande Consumo celebram parceria em research

A Grande Consumo apresenta-se como uma ferramenta de trabalho útil para todos os profissionais que desenvolvam a sua atividade na área dos produtos de Grande Consumo. A revista afirma-se no mercado como uma mais-valia editorial para todos os que operam no Canal Alimentar e Não Alimentar. A revista Grande Consumo produz e divulga publicações interventivas através da inserção regular de artigos de opinião dos muitos profissionais que operam nas mais diversas áreas deste canal, para que esta possa ser um útil instrumento de trabalho para todos os leitores.

Nesta parceria, a multidados.com será responsável pela área de research, especialmente na análise do comportamento do consumidor de produtos de Grande Consumo. Será mais uma ferramenta imprescindível para todos aqueles que operam no Canal Alimentar e Não Alimentar conhecerem o seu mercado.

Grande Consumo
FV_2019_O-Mediatico_vs._O_Imprescindivel_blog

“O Meditático” vs “O Imprescindível”

– Intenção, Motivação e Expectativas-
Festivais de Verão 2019

Serão os festivais mediáticos aqueles a que realmente os festivaleiros pensam assistir? Ou serão os main sponsers de cada evento as primeiras marcas associadas ao mesmo? As respostas estão no estudo “Intenção, Motivação e Expectativas – Festivais de Verão 2019” da multidados.com.

Cartaz, tradição, prelo, localização, ambiente, mediatismo e influência de amigos e familiares são as principais motivações apontadas pelos portugueses para a escolha de um festival. As ponderações de todos estes fatores dão-nos os resultados sobre o festival a que o portugueses não podem mesmo deixar de ir em 2019.

O estudo “Maratona dos Festivais de Verão – Ranking Cision”, da Cision Portugal, indica que o festival Super Bock Super Rock é o festival com melhor desempenho mediático nos órgãos de comunicação social, seguido dos festivais NOS Alive e MEO Sudoeste. Este ranking é um estudo que analisa a evolução do mediatismo comparado de diversos festivais de música realizados em Portugal.

Os Resultados

Os resultados do estudo “Festivais de Verão 2019: Intenção, Motivação e Expectativas” da multidados.com – the research agency falam, numa segunda fase, do festival “imprescindível” de participação nos festivais de 2019 e mostram o NOS Alive como o grande vencedor deste ranking – o festival revela-se insubstituível para 16,6% da população inquirida. O pódio encerra com os festivais MEO Marés Vivas e Vodafone Paredes de Coura, registando respetivamente, 11,9% e 4,5% do total. Neste TOP 10 figuram ainda, NOS Primavera Sound (4,0%), EDP Cooljazz (3,3%), MEO Sudoeste (2,6%), Super Bock Super Rock e Sumol Summer Fest (ex aequo 2,0%), Festival Vilar de Mouros (1,3%) e O Sol da Caparica (0,3%).

Os valores desta segunda análise mostram que o investimento em media pode ter efetivamente relação direta com a imagem, e intenção de participação e a fidelidade a estes festivais. Os grandes vencedores são festivais associados a um naming sponser: NOS, MEO, EDP, Super Bock e Sumol, serão estes os grandes vencedores em 2019? Será esta a grande diferença? As marcas patrocinadoras têm realmente influência no processo de decisão?

Nós, na multidados.com, falamos com quem de fato tenciona ir a algum festival em 2019: questionamos o porquê esse festival em detrimento de outro(s), qual a opinião relativamente à evolução (ou perca de qualidade) dos atuais festivais que decorrem no nosso país, quais as marcas e influência das mesmas… entre muitos outros aspetos.

fonte: cision.com

O Estudo

O estudo Intenção, Motivação e Expectativas – Festivais de Verão 2019 foi efetuado online pela multidados.com entre os dias 1 de março e 11 de abril de 2019, no qual avaliámos 58 festivas/eventos a decorrer este ano.

Sobre a multidados.com – the research agency
A multidados.com – the research agency é uma agência 360º especializada em estudos de mercado, a atuar em Portugal desde 1998, não apenas no nível da internet, com a plataforma personalizada de recolha de dados e gestão de painel online, mas também com ampla experiência em recolha de dados presencialmente e por telefone.

img-responsive

Festivais de Verão 2019

– Intenção, Motivação e Expectativas-

A popularidade dos festivais de verão tem vindo a aumentar todos os anos, e são nos dias de hoje um dos eventos mais esperados do ano. É manifesta a multiplicação de eventos culturais disponibilizados à escala nacional, em diferentes estilos e com diferentes características e potencialidades.

O mais recente estudo da Cision Portugal, o “Maratona dos Festivais de Verão – Ranking Cision” mostra que o festival Super Bock Super Rock foi o festival com melhor desempenho mediático nos órgãos de comunicação social, seguido dos festivais NOS Alive e MEO Sudoeste. Este é um estudo realizado de forma continuada pela Cision, que analisa a evolução do mediatismo comparado de diversos festivais de música realizados em Portugal.

fonte: cision.com

OS RESULTADOS

Os resultados do estudo da multidados.com – the research agency mostram-nos que nem sempre o festival mais mediático é aquele em que realmente os festivaleiros tencionam participar. Isto acontece porque o conceito de Festival de Verão, já enraizado na cultura nacional, é cada vez amplo, e as organizações apresentam uma clara aposta na diversificação da oferta no que diz respeitos aos estilos, atividades e mesmo até aos públicos-alvo.

Os primeiros resultados do estudo falam de intenções de participação nos festivais de 2019 e mostram o NOS Alive como o grande vencedor deste ranking – o festival teve uma intenção de participação registada em 29,9%. O pódio fica completo com os festivais MEO Marés Vivas e NOS Primavera Sound, registando respetivamente, 21,5% e 18,7% do total de intenções de participação. Neste TOP 10 figuram ainda, EDP Cooljazz (15,9%), MEO Sudoeste (15,0%), RFM Somnii (11,2%), Vodafone Paredes De Coura (10,3%), Galp Beach Party (8,4%), Festa do Avante (7,5%), Bons Sons e Festival do Crato (ex equo 6,5%).

Em edições anteriores de ambos os estudos mostram que o investimento em media pode ter efetivamente relação direta com a participação nos mesmos, e nesse sentido, tornarem-se nos mais atrativos ao investimento em patrocínios e parcerias. Mas os resultados desde ano apresentam algumas disparidades. Serão os novos festivaleiros um público mais informado ou mais exigente? Será necessário para as organizações repensar a forma de comunicarem com os seus consumidores? E as marcas patrocinadoras, que influencia têm em todo este processo?

O ESTUDO

Para as organizações dos festivais, as vantagens de analisar os eventos poderem resumir-se em: melhorar o desempenho da organização; aumentar o grau de satisfação dos consumidores, melhorar a eficácia dos serviços disponibilizados; otimizar recursos; compreender o comportamento e as expectativas do público.

Nós, na multidados.com, falamos com quem de fato tenciona ir a algum festival em 2019: questionamos o porquê esse festival em detrimento de outro(s), qual a opinião relativamente à evolução (ou perca de qualidade) dos atuais festivais que decorrem no nosso país, quais as marcas e influência das mesmas… entre muitos outros aspetos.

Este é apenas o primeiro elemento avaliado no estudo Intenção, Motivação e Expectativas – Festivais de Verão 2019 efetuado online pela multidados.com entre os dias 1 de março e 11 de abril de 2019, no qual avaliámos 58 festivas/eventos a decorrer este ano.

Dia-mundial-da-Luta-contra-o-cancro_blog

4 de Fevereiro | Dia Mundial da Luta Contra o Cancro

Em Portugal, morrem todos os dias 70 pessoas com cancro. Os fatores de risco desta doença, que pode assumir vários tipos e diversos nomes, são também inúmeros, mas muitos poderiam ser evitados. O Dia Mundial de Luta Contra o Cancro celebra-se todos os anos a 4 de fevereiro.

Porquê?

Porque a incidência de cancro tende a aumentar e todos os anos 9.6 milhões de pessoas continuam a morrer de cancro, o que é mais do que as mortes causadas em conjunto pelo HIV/SIDA, malária e tuberculose.

Porque acreditamos que muitas destas mortes seriam evitáveis com maior apoio governamental e financiamento para programas de deteção precoce, prevenção e tratamento.

Porque acreditamos que deve haver igualdade de acesso a meios de diagnóstico, tratamento e cuidados em oncologia.

Porque acreditamos que todos têm um papel a desempenhar nesta luta, em todos os setores de forma transversal.

Porque acreditamos que, juntos, aumentando a literacia em saúde e a compreensão sobre o cancro, reduzimos o medo causado por mitos e crenças erradas e podemos criar mudança!

Como prevenir o cancro?

São inúmeros os estudos para determinar os fatores de risco do cancro, e com essa informação promover a prevenção da doença e o diagnóstico precoce. Poucos são os fatores de risco cientificamente provados, pelo que prevenir o cancro passa no fundo por promover a saúde, através de hábitos de vida saudáveis que contribuem para a redução do risco. Cerca de 90% dos cancros estão relacionados com o ambiente e hábitos pouco saudáveis, e não com causas genéticas como habitualmente se pensa.

Cada indivíduo é, assim, o principal interveniente na prevenção do cancro, pelas escolhas que faz no seu dia-a-dia ao longo da vida. Praticar uma alimentação equilibrada, rica em vegetais e pobre em gorduras, manter um peso adequado, praticar actividade física e evitar o consumo de álcool em excesso e o tabaco, são exemplos de hábitos saudáveis para prevenir a doença.

Quem promove o Dia Mundial do Cancro?

O Dia Mundial do Cancro é uma iniciativa da UICC (União Internacional de Controlo do Cancro), a maior e mais antiga organização internacional que se dedica a combater o cancro. Sendo uma rede de cooperação internacional, a UICC é composta por diferentes membros e organizações, tendo representatividade e possibilidade de contribuir em discussões e encontros ao mais alto nível direcionados para políticas de saúde na área da oncologia.

A Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC), fundada em 1941, é uma das mais antigas instituições no espaço europeu na luta contra o cancro. A LPCC é membro da UICC desde 1983, colaborando ativamente no desenvolvimento e implementação de políticas de saúde através de projetos nacionais e internacionais.

cancro
Dia Mundial da Luta Contra o Cancro
Dia-Nacional-do-empresário_blog

Dia Nacional do Empresário

Sabia que…a 25 de novembro se celebra o Dia Nacional do Empresário?

Este dia tem como objetivos homenagear o empresário nacional que contribui para o desenvolvimento do país e incentivar o empreendedorismo em Portugal, com a criação de novas dinâmicas.

Neste dia as empresas e as associações realizam sessões dirigidas a empresários e ações de promoção de contacto e de interação entre quadros empresariais. Os empresários reúnem-se com o propósito de criar um clima de entreajuda, que permita a promoção de oportunidades, de ideias e de negócios.

Características dos empresários

  • determinação
  • compromisso
  • liderança
  • visão
  • oportunismo
  • confiança
  • comunicação
  • influência
  • empreendedorismo
  • positivismo

Será que os portugueses são um povo empreendedor? Os resultados do estudo da multidados.com mostram um elevado espírito empreendedor dos portugueses. 46,4% da população indica que no futuro gostaria e assumir o papel de empresário/a.

As principais áreas onde a maioria destes futuros empreendedores gostaria de investir é o Alojamento, restauração e similares, 62,0%. As atividades artísticas, de espetáculos, desportivas e recreativas, 24,0%, E as atividades de saúde humana e apoio social, 14,0%

Já chamados a indicar a sua posição relativamente ao apoio governamental à criação de novas empresas e organizações. Numa escala onde o significa “Pouco apoiado” e 10 significa “Bastante apoiado”, a pontuação média foi de 4,97. O que evidência também um dos maiores receios para investir no seu próprio negócio, a falta de apoio governamental a este tipo de iniciativas.

Importa mesmo é seguir o sonho e definir objetivos para o alcançar.

empresário

#multidados #research #since98 #sabiaque #dianacional #empresario

Dia-mundial-da-televisão_blog

Dia Mundial da Televisão

Sabia que…. a 21 de novembro se assinala o Dia Mundial da Televisão.

O Dia Mundial da Televisão é uma data proclamada pelas Nações Unidas.

O dia 21 de novembro existe para celebrar a «caixinha mágica» que tantas emoções nos consegue trazer. De facto, a Televisão, e mesmo com o aparecimento dos meio digitais, é também uma companhia cada vez mais importante na vida das pessoas de todas as idades. Isto porque, muitas vezes, desvalorizamos, até pelos conteúdos que são dedicados aos diversos públicos, mas é, talvez, um dos seus papéis fundamentais.

Para todas as pessoas que estão sozinhas, longe, afastadas dos seus entes queridos, a Televisão traz companhia e esperança, algo que tantas outras tecnologias acabam por “retirar”, mas também conhecimento, informação e entretenimento. Por outro lado, leva-nos, leva-nos para tão longe! Para mundos imaginários e distantes, até onde as nossas próprias fantasias nunca nos tinham levado, mas também nos leva até realidades do nosso quotidiano, que nos formam, que nos moldam enquanto pessoas.

A sua presença, a sua criatividade e conteúdos são aquilo que caracteriza a Televisão. Cada vez mais diferente do que era há umas décadas ou até mesmo há uns meses, cada vez mais competitiva e, gostamos de acreditar, cada vez mais diversa e de melhor qualidade.

Televisão em Portugal

Em Portugal a televisão começou a ser transmitida em 1957, na Rádio e Televisão de Portugal (RTP), a preto e branco. O primeiro programa a cores a ser transmitido foi o festival da canção de 1980.

Maria Armanda Falcão, mais conhecida pelo pseudónimo de Vera Lagoa, e Raúl Feio foram os primeiros rostos a surgir na caixinha mágica portuguesa. Aconteceu a 4 de setembro de 1956, naquela que foi a primeira emissão experimental da RTP.

Ambos. deram cara à primeira emissão experimental da RTP, na noite de 4 de setembro de 1956, cinco meses antes de a televisão pública ter iniciado as suas transmissões regulares, a 7 de março do ano seguinte.

Nos inícios do anos 80 começaram as emissões da RTP a cores. Nos anos 90 chegaram dois novos canais privados de televisão. A SIC em 1992 e a TVI em 1993.

Dados

A oferta é cada vez mais diversificada e destinada a um público-alvo. Na multidados.com procuramos junto dos portugueses conhecer e o que veem e como veem os seus programas televisivos.

A grande maioria assume ver televisão, 1 a3 horas por dia, 55,8%. Seguindo-se a população que acompanha a televisão menos de uma hora por dia, 23,3%. E ainda, 11,6% é a percentagem daqueles que assistem televisão, entre 3 a 5 horas.

O horário preferido dos portugueses é o horário nobre, das 21:00 às 23:59, 63,0% é a percentagem de pessoas que preferem assistir televisão neste horário. Nos restantes, a percentagem divide-se entre 4 a 6 %. Estes resultados acabam também por refletir a vida ativa dos portugueses e a sua disponibilidade para momentos de lazer, como é o caso de ver televisão.

A transmissão é agora muito mais ampla, a televisão deixou de ser disponibilizada apenas através da caixinha mágica. E isso mesmo compravam os resultados, cerca de 80% da população ainda é devota do conceito tradicional, mas existem já 16,0% que já assistem através do seu computador, 14%, através do telemóvel e 6,0% através do seu tablet.

Por fim, os canais televisivos dos portugueses são:

  • TVI: 27,80%
  • SIC: 26,80%
  • FOX: 24,80%
  • AXN: 20,60%

televisão

#multidados #research #since98 #sabiaque #diamundial #televisao

 

 

 

dia-do-oculto_blog

Dia do Oculto

Sabia que… a 18 de novembro se celebra o Dia do Ocultismo?

E primeiro lugar, o Dia do Ocultismo celebra-se a 18 de novembro. Esta é comemoração é mundial, uma celebração do que é misterioso, mágico e fora do normal e do compreensível neste mundo.

Secretismo, desconhecido, paranormal, escondido e encoberto, são alguns dos sinónimos ligados ao oculto, que como oculto, não se consegue explicar devidamente. A própria origem da celebração do dia do oculto está tapada por um véu de incerteza. Curiosamente, 18 de novembro é o dia a partir do qual o sol não nasce na cidade de Hammerfest, na Noruega.

Mas será que os portugueses são um povo culturalmente devoto neste tipo de crenças? A multidados.com quis compreender mais sobre a opinião dos portugueses.

A maioria, 68,6% dos inquiridos afirma não acreditar em atividades do oculto. Dos 31,4% que afirmam acreditam em atividades do oculto, 26,4% assumem já ter recorrido a serviços relacionados com o ocultismo. As principais razões apontadas pelos inquiridos para recorrer a este tipo de serviços são: a curiosidade, a crença e a existência de uma realidade virtual.

Por oposição, quem não acredita neste “mundo” paralelo não faz porque não acredita realmente, porque consideram um comportamento irracional ou, porque acreditam que sejam uma burla.

Por fim, questionados sobre superstições…91,9% diz não ter qualquer crença.

Certo é que esta é ainda uma área envolta de muito mistério e secretismo.

#multidados #research #since98 #sabiaque #oculto

Dia-mundial-do-recorde-do-guiness_blog

Dia Mundial do Recorde do Guinness

Sabia que…. a 17 de novembro se assinala o Dia Mundial do Recorde do Guinness?

Desde a seu primeiro exemplar em 1955 este livro de recordes já vendeu mais de 100 milhões de exemplares em todo o mundo.

Deter um recorde do Guinness nos dias que correm não parece ser nada fácil. Todos os anos existem novos recordes que parecem totalmente absurdos e exuberantes. Coisas que ninguém se lembraria de fazer para quebrar um recorde, mas a verdade é que acontecem. A edição do livro de 2018 está quase pronta para receber recordes novos e alguns que atualizaram recordes antigos. Quer saber alguns dos mais estranhos e inacreditáveis?

Recordes do Livro de 2018

  • As maiores pestanas – You Jianxia é a mulher com as maiores pestanas do mundo. Foram medidas em 2016 e tinha aproximadamente 12 cm!
  • O primeiro Cyborg. Neil Harbisson é o primeiro homem oficialmente reconhecido como um cyborg, pois teve uma antena implantada na sua cabeça para conseguir ouvir as cores, visto que não as consegue ver.
  • O bodybuilder mais velho – Desde 2015 que Jim Arrington é o homem mais velho a competir profissionalmente no body building. Tem atualmente 85 anos!
  • O maior carro de brincar do mundo
  • Mais balões rebentados – Durante 1 hora, Hunter Ewen conseguiu rebentar 910 balões num evento que aconteceu no Colorado.
  • O maior ‘High-top fade’ – É o nome deste penteado que tem aproximadamente meio metro e está na cabeça do californiano Benny Harlem.
  • A maior coleção de peluches – Desde 2012 que este recorde pertence a Jackie Miley.
  • Carrinho de bebés para adultos – Jamie Roberts e Tom Koltun são os homens responsáveis por esta. O carro tem aproximadamente 2 metros.
  • As pernas mais compridas – O recorde pertence a Ekaterina Lisina, uma modelo russa que tem umas pernas de 137 cm!
  • Gelatina num minuto – Andre Ortolf é o detentor do recorde de mais gelatinas comidas em menos de 1 minuto. Este alemão consegue comer entre 1 a 2 quilos de gelatina nesse espaço de tempo.
  • A bicicleta mais pesada do mundo – Esta estrondosa bicicleta foi construída por Jeff Peeters, da Bélgica, e pesa 860 km!
  • Os noivos mais pequenos do mundo – Casados a 3 de Novembro de 2016, Paulo Gabriel da Silva Barros e Katyucia Lie Hoshino, ambos do Brasil, conseguiram o recorde pela sua baixa estatura. A altura combinada do casal é de 181.41 cm.

Em Portugal

  • Maior número de não-mágicos a fazer um truque de magia num único local.
    O mágico Luís de Matos é o responsável por ensinar a 52 mil pessoas um método para fazer desaparecer 52.001 lenços. Foi no dia 16 de novembro de 2003 na inauguração do Estádio do Dragão, no Porto.
  • Um mega prato de bacalhau dourado
    Este pitéu foi servido em Elvas, onde foram servidos 3.134 pratos de bacalhau dourado, num total de 200 gramas por pessoa.
  • Maior pão com chouriço do Mundo
    Foi em 2005 que Vagos chegou a este record, com 100 padeiros a passarem 60 horas a fazer um pão com 1211,6 metros.
  • Maior assador de castanhas do mundo
    Este assador gigante mede 9,5 metros de comprimento, 5,0 metros de diâmetro e pesa 600 kg.
  • O Maior sobreiro do Mundo
    O mais antigo e mais produtivo sobreiro existente no mundo tem nome próprio e tudo. Chama-se Assobiador e está em Águas de Moura, no Alentejo. Plantado em 1783, este sobreiro tem mais de 14 metros de altura e 4,15 metros de perímetro do tronco. pesará cerca de 102 toneladas, de onde é extraída aproximadamente uma tonelada de cortiça por colheita.
  • A livraria mais antiga do Mundo
    Desde que abriu em 1732, a Livraria Bertrand do Chiado nunca deixou de funcionar. É por isso que entrou para o Guinness como a livraria mais antiga do mundo ainda em atividade.
  • A Maior aula de Judo do Mundo
    A maior aula de judo do mundo juntou com cerca de 4.000 participantes e foi promovida pelo judoca Nuno Delgado, no Dia Mundial da Criança em 2011.
  • O Maior Arroz de Lapas do Mundo
    O ‘Maior Arroz de Lapas do Mundo’ foi feito com 100 Kg Arroz, 100 Kg Cebola, 50 kg Pimentos, 356 kg Lapas, 30 Lt Azeite, 10 Kg Concentrado de Tomate, 10 Kg Manteiga, 5 kg Alhos, 330 Lt Água.

#multidados #research #since98 #sabiaque #diamundial #guinness

fast-food_capalinkfacebook

Dia da Fast-Food

Sabia que…. a 16 de novembro se assinala Dia da Fast-Food?

Pizza, Cachorros Quentes, Batatas Fritas, Anéis De Cebola, Hambúrgueres, e mais… O Fast-Food é tanto uma graça quanto uma desgraça para as pessoas de todo o mundo.

Tradicionalmente rico e gorduroso, o fast food tem gosto animado na boca pode facilmente tornar-se viciante.

Em primeiro lugar, o White Castle aparece pela primeira vez em 1921, quando hambúrgueres foram vendidos 0,05 dólares cada, e desde aí que este tipo de alimentação se enraizou na cultura americana. A partir daí, o amor pela fast-food começou a espalhar-se por todo o mundo e agora pode ser encontrado em todos os locais.

Mais importante, como os maus hábitos alimentares se adquirem depressa, em Portugal, a também designada junk food veio substituir a alimentação saudável que era sustentada, a chamada dieta mediterrânica.

O consumo dos portugueses

Em primeiro lugar, a multidados.com procurou saber entre os portugueses quais os seus hábitos e preferência de consumo. 37,20% dos inquiridos afirma consumir raramente este tipo de alimentação. 30,2% indicam fazê-lo duas a três vezes por mês e ainda. 22,10% confessam optar por esta refeição uma vez por semana. São de destacar ainda, os valores de 0% os que dizem nunca consumir fast-food e felizmente, o valor de 1,20% daqueles que assumem optar por esta alimentação todos os dias.

Ainda que sejam variadas as opções dentro deste tipo de alimentação, os reis são naturalmente os hambúrguers e as pizzas. Neste caso preferência dos portugueses recaí para a última, as pizzas, 57,0%. Já os hambúrguers arrecadam 43,0% das inclinações dos portugueses.

Por outro lado, quando questionados sobre a sua afeição a uma determinada cadeia de fast-food, a maioria, 52,3% diz ter uma cadeia e eleição. Aqui, as cadeias de distribuição de hambúrguers assumem especial destaque. O top 3 é composto por: McDonald’s, 51,2%, Burger King, 23,3 e Pizza Hut, 11,6%.

De uma maneira geral, do ponto de vista da alimentação saudável, o homem necessita aproximadamente de 50 – 60% de hidratos de carbono; 25 – 30% de gordura e 12 – 15% de proteína. Hoje em dia, estes valores não são seguidos, havendo um exagerado consumo de gorduras, proteínas animais, açúcares e sal.

Por fim, embora se poupe no tempo de preparação, a fast-food não se iguala, sob o ponto de vista nutricional, à cozinha caseira com o recurso a alimentos frescos.

 

#multidados #research #since98 #sabiaque #fastfood #hamburguer #pizza #hotdog